Maravilhosidades de São Luís

Séculos sem escrever. Dezenas de pautas iniciadas. Eu precisava finalizar pelos menos esse texto aqui porque eu tou amando viver São Luís esses últimos meses.

Faladeli Bar e Café

Adoro lugares pequenos, aconchegantes. Um desses é o Café Faladeli. Na verdade é uma tabacaria, um café, um bar… Uma coisa assim meio “vem todo mundo pra cá”. E é maravilhoso. Fica perto da Fonte do Ribeirão, na Rua Ribeirão, 237. Lá sempre fica com a porta fechada e parece uma casa, então tem que tocar a campainha mesmo pra entrar. O preço da cerveja vai de R$ 4 até uns R$ 10 e toda quinta-feira tem o projeto #QuintaIsTheNewSexta, que é super bacana e eu já fui duas vezes pra distrair depois do trabalho. Esse projeto é do mesmo pessoal que faz a ShockMe. O que às vezes me dá um pouco de agonia: ver as mesmas pessoas, ouvir as mesmas músicas. Mas sabe de uma coisa? Eu admiro demais essa galera. Eles movimentam, fazem, agitam, criam coisas aqui em São Luís. A gente precisa de mais gente como eles, pra fazer projetos bacanas, dixcoladinhos, com vontade de fazer acontecer. Então recomendo o Faladeli, principalmente na quinta. 🙂

baddest

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, o pessoal da Baddest fez uma super festa no Centro de São Luís dias 20 e 21 de novembro. Eu fui nos dois dias. Não consegui ir ao desfile, mas fui à after party da sexta e adorei (como sempre) dançar muita black music, hip hop, trap. Já no sábado – eu ainda morta de ter dançado tanto na sexta – teve uma festa aberta, que eu prefiro mil vezes, no Beco dos Catraieiros com muita gente linda e estilosa. Eu não levei minha câmera, mas fotografei mentalmente todos os looks lindos e maravilhosos. Aliás, se tem uma coisa que esse povo sabe é montar look babadeiro. Além do editorial maravilhoso que fizeram para divulgação do evento, eles lançaram um álbum com referências de looks. Gente, sensacional. Guardando esse álbum no <3. Se tiverem afim de dançar muito, é só ir pra alguma festa do pessoal da Baddest. É 100% pélvis em fúria.

seco – blogueira fitness

Quando eu entrei na Maximize, em janeiro de 2013, assumi alguns clientes da Seane, que na época estava se deslocando pra São Paulo. Eu conhecia Seane assim, pelos textos que ela escrevia para as marcas que agora eram minhas. E também pelo nome do computador que assumira com a partida dela. Até o dia que formataram o notebook e eu dei tchauzinho pra SEANE-PC. Eis que hoje, a poucos meses (ufa!) de eu me deslocar pra São Paulo, Seane volta (por pouco tempo, tudo indica) à Maximize. Aí que eu conheço a maravilhosidade dessa moilher. Super dinâmica, inteligente, mente aberta, fitness e jornalista. Por aqui, tou me inspirando demais pra seguir uma vida mais saudável. E por aí, super recomendo a leitura da newsletter dela, que sai a cada 15 dias. Basta assinar e se não gostar é só (des)assinar.

pedro bezerra

Além de seguir marcas de todos os tipos no Instagram, eu gosto de seguir gente talentosa. Uma delas é o Pedro. Um estudande de Design (tinha que ser, né? maravilhosidades, gente.) da UFMA que é fotográfo e registra assim uns momentos lindos, sei lá… Só vendo. Segue aí. Eu já tentei trazer ele pra minha equipe na agência, mas ainda não deu certo. Um dia a gente dá esse match laboral.

São Luís, minha gente. São Luís… ❤